Conversas com Lutero

Elben César

Novo

Aviso: Últimas unidades!

R$ 39,45

Adicionar à lista de presentes

Protestantes sentem-se na obrigação de admirar aquele que reformou a Igreja. Católicos romanos sentem-se na obrigação de questionar aquele que provocou o segundo Grande Cisma da Igreja. Mas a maioria das pessoas, em ambos os grupos, desconhece a história e o

Protestantes sentem-se na obrigação de admirar aquele que reformou a Igreja. Católicos romanos sentem-se na obrigação de questionar aquele que provocou o segundo Grande Cisma da Igreja. Mas a maioria das pessoas, em ambos os grupos, desconhece a história e o pensamento de Lutero.
Em Conversas com Lutero você vai conhecer o “pai na fé”, o “indigno evangelista”, o “javali da floresta”: Lutero. Vai ouvi-lo conversar sobre a vida dele, a fé, o evangelho, a Reforma, a Igreja, entre outros assuntos. Confira um trecho de conversa:

“Repórter – A Igreja fracassou?
Lutero – A Igreja enquanto “esposa de Cristo” não fracassa nunca. O próprio Noivo declarou a Pedro que nem as portas do inferno poderão vencê-la (Mt 16.18). Mas, a Igreja hoje como “viúva de Cristo” é um fracasso. Sabe por quê? Porque há um fosso entre a Igreja real e a Igreja pretendida por Cristo. Em minha obra Explicações do Debate sobre o Valor das Indulgências, publicada em agosto de 1518, nove meses depois de eu enviar as Noventa e Cinco Teses ao arcebispo Alberto de Mogúncia, ao comentar a 62ª tese (O verdadeiro tesouro da Igreja é o santíssimo evangelho da glória e da graça de Deus), acredito que pus a mão na ferida básica ao denunciar: “Em boa parte da Igreja o evangelho de Deus é uma coisa bastante desconhecida”. Quando ouve esta dulcíssima mensagem de que Jesus é “o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo” (Jo 1.29), a consciência pecadora revive, e exulta em saltos de alegria, e fica cheia de confiança, e já não teme a morte, nem as espécies de penas associadas à morte, nem o inferno. As pessoas que temem as penas ainda não ouviram Jesus Cristo nem a voz do evangelho. Estão ouvindo a voz de Moisés.


Formato: 16 x 23 cm
Páginas: 288
Peso: 300 g.
Acabamento: Brochura
Edição: 2006

pensamento de Lutero.
Em Conversas com Lutero você vai conhecer o “pai na fé”, o “indigno evangelista”, o “javali da floresta”: Lutero. Vai ouvi-lo conversar sobre a vida dele, a fé, o evangelho, a Reforma, a Igreja, entre outros assuntos. Confira um trecho de conversa:

“Repórter – A Igreja fracassou?
Lutero – A Igreja enquanto “esposa de Cristo” não fracassa nunca. O próprio Noivo declarou a Pedro que nem as portas do inferno poderão vencê-la (Mt 16.18). Mas, a Igreja hoje como “viúva de Cristo” é um fracasso. Sabe por quê? Porque há um fosso entre a Igreja real e a Igreja pretendida por Cristo. Em minha obra Explicações do Debate sobre o Valor das Indulgências, publicada em agosto de 1518, nove meses depois de eu enviar as Noventa e Cinco Teses ao arcebispo Alberto de Mogúncia, ao comentar a 62ª tese (O verdadeiro tesouro da Igreja é o santíssimo evangelho da glória e da graça de Deus), acredito que pus a mão na ferida básica ao denunciar: “Em boa parte da Igreja o evangelho de Deus é uma coisa bastante desconhecida”. Quando ouve esta dulcíssima mensagem de que Jesus é “o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo” (Jo 1.29), a consciência pecadora revive, e exulta em saltos de alegria, e fica cheia de confiança, e já não teme a morte, nem as espécies de penas associadas à morte, nem o inferno. As pessoas que temem as penas ainda não ouviram Jesus Cristo nem a voz do evangelho. Estão ouvindo a voz de Moisés.


Formato: 16 x 23 cm
Páginas: 288
Peso: 300 g.
Acabamento: Brochura
Edição: 2006

Não há comentários de clientes neste momento.

Escrever uma avaliação

Conversas com Lutero

Conversas com Lutero

Elben César

Escrever uma avaliação

Produtos relacionados